Paripe.net

Novos ônibus com ar-condicionado começam a circular em Salvador



Há muito tempo os usuários do transporte público de Salvador sonham com ônibus equipados com ar-condicionado. A partir de hoje (09), quando a cidade ganhou os primeiros veículos climatizados, de um total de 250 que começam a circular até o final deste ano, essa antiga demanda da população se torna realidade. 

O anúncio foi feito no início da tarde pelo prefeito ACM Neto, pelo vice Bruno Reis e pelo secretário de Mobilidade, Fábio Mota, no estacionamento ao lado do novo Centro de Convenções, na Boca do Rio. O presidente da Câmara Municipal de Salvador, Geraldo Júnior, também esteve presente, entre outras autoridades. Do evento, os novos ônibus já começaram a circular em duas linhas: Sussuarana – Barra R1 e Boca da Mata – Pituba. 

Neste sábado (10), será a vez dos veículos das linhas Cabula 6 – Ribeira R2, Conjunto Pirajá 1 – Engenho Velho da Federação e Paripe – Aeroporto (via Cajazeiras). Todos os atuais ônibus dessas cinco linhas serão substituídos por coletivos zero quilômetro climatizados. 

Conforme ressaltou o prefeito, os novos coletivos irão atender predominantemente áreas periféricas da cidade, a exemplo do Subúrbio e do chamado "miolo" de Salvador, beneficiando, neste momento, bairros como Sussuarana, Ribeira, Cabula, Boca da Mata, Pirajá, Engenho Velho da Federação e Paripe. 

Até o final do ano, as seguintes linhas entrarão em operação com os novos ônibus com ar-condicionado: Nova Brasília/Jardim Nova Esperança/Sete de Abril – Pituba; Pau da Lima – Campo Grande/Barra; Cajazeiras 11 – Ribeira; Ribeira – Pituba; Marechal Rondon/São Caetano – Brotas; Mirantes de Periperi – Itaigara. Algumas delas, inclusive, já podem começar a operar ainda neste mês de agosto, o que será informado pela Prefeitura. 

"Chegou a hora de realizar esse sonho antigo de Salvador. Só quem anda de ônibus sabe a importância desse dia. E estamos colocando esses ônibus novos, com ar-condicionado, sem repassar os custos para a população, já que a Prefeitura assumiu essa conta ao isentar as empresas do pagamento do ISS, da taxa da Arsal (Agência Reguladora de Salvador) e da outorga. Assim, vamos garantir a chegada de mil novos veículos climatizados até 2022, sendo 250 por ano", declarou ACM Neto. 

"Só foi possível a gente chegar a esse acordo, que foi aprovado pela Câmara Municipal de Salvador - e agradeço muito aos vereadores por esse empenho -, porque a Prefeitura fez seu dever de casa, está com as contas em dia e trabalha com seriedade", acrescentou. O prefeito afirmou ainda que a expectativa é que, mesmo após 2022, havendo continuação da política implantada pela atual gestão na área de mobilidade, qualquer novo ônibus que chegue para rodar nas ruas de Salvador na operação do transporte público sejam climatizados. "Nossa situação 

Pontualidade - Com a renovação, a idade média da frota cairá para cinco anos. Atualmente, os 2.216 coletivos que circulam na cidade possuem, em média, 6,5 anos de uso. Além de ar-condicionado, todos os novos veículos têm número de assento ampliado para deficientes, distribuição orgânica de lixeiras e sistema Euro 5, versão que atende a um conjunto de normas regulamentadoras visando a diminuição da emissão de gases poluentes. 

"Outro ponto importante é que os novos ônibus ajudarão a resolver os atrasos que, vez ou outra, ocorrem por conta de problemas mecânicos nos veículos, considerados antigos. Isso porque, por serem, os coletivos irão quebrar menos e demandar menor tempo de manutenção", destacou o secretário de Mobilidade, Fábio Mota.

Relembre o acordo - A renovação da frota, com a chegada dos primeiros ônibus com ar-condicionado, é fruto do esforço da Prefeitura de permanente cobrança junto às empresas do setor (Consócio Integra) e da prioridade dada para garantir um transporte público de maior qualidade para a população, inclusive abrindo mão, temporariamente, de arrecadação.

Após a Prefeitura impedir o reajuste da tarifa em janeiro, pois já defendia como contrapartida a renovação da frota, foi assinado, em março deste ano, um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) entre município, empresas e Ministério Público da Bahia (MP-BA) que definiu o valor da passagem e a aquisição de mil novos ônibus com ar-condicionado até 2022. 

Duas auditorias independentes contratadas pela Agência Reguladora de Salvador (Arsal), com acompanhamento integral do MP-BA, apontavam que, em função principalmente da queda do número de passageiros (sobretudo por conta do metrô) e do consequente desequilíbrio financeiro do sistema de transporte coletivo, o valor da passagem em 2019 deveria ser de R$4,12. 

Entretanto, para que a passagem não chegasse a esse valor e ficasse em R$4, mantendo a renovação da frota com a aquisição de mil novos ônibus com ar-condicionado, o TAC prevê isenção de ISS até 2022, além de benefícios como a retirada da taxa da Arsal, que se transformaram em projeto de lei aprovado na última quarta-feira (07) pela Câmara de Vereadores. 

Conquistas acumuladas - Desde 2013, a Prefeitura tem trabalhado para melhorar a qualidade do transporte público e oferecer benefícios ao usuário do sistema. Uma das primeiras medidas foi a implantação do Domingo é Meia, através do qual o cidadão paga metade do valor da tarifa aos domingos. Cerca de 400 mil utilizam o benefício todos os domingos. 

A Prefeitura também lançou o Bilhete Único e garantiu a integração de todas as linhas, inclusive com o metrô. Com isso, Salvador se tornou a única capital do país onde é possível ao usuário do transporte público pegar fazer a integração ônibus-metrô-ônibus com valor de uma única tarefa. 

Entre as outras conquistas implantadas pela Secretaria Municipal de Mobilidade (Semob) estão a garantia de 100% das linhas adaptadas para cadeirantes, colocação de GPS em 100% da frota (o que facilita na fiscalização e controle dos horários), implantação do Centro de Controle Integrado (que faz o monitoramento dos veículos) e ampliação de três para 100 do número de postos de recarda do SalvadorCard. 

Na área de inovação, foi lançado o aplicativo CittaMobi, que permite ao usuário acompanhar em tempo real o horário dos ônibus e que é possui 6 milhões de acessos mensais. A Semob também criou o aplicativo Kim Recargas, que faz a revalidação online do cartão de meia passagem.