Paripe.net

Paripe, Periperi, Ilha de Maré e mais 18 locais terão queima de fogos na virada de ano

Imagem Responsiva


Paripe, Periperi, Ilha de Maré e mais 18 locais terão queima de fogos na virada de ano
Foto: Reprodução

Salvador terá 19 pontos de queima de fogos durante a virada do ano. A região do Comércio, que terá cinco dias de festa, receberá a chegada do novo ano com 15 minutos de espetáculo no céu. Mais 18 pontos da cidade conhecidos por reunir grande quantidade de pessoas durante a virada do ano terão oito minutos de fogos de artifício. São eles: Barra, Arena Fonte Nova, Rio Vermelho, Amaralina, Jardim de Alah, Boca do Rio, Patamares, Itapuã, Cajazeiras, Boa Viagem, Santo Antônio Além do Carmo, Ribeira, Periperi, Paripe, Ilha de Paramana, Ilha de Bom Jesus dos Passos, Ilha de Maré e Ilha de Santana.


A empresa contratada através de processo licitatório para fornecer o material foi a Distribuidora de Fogos São Francisco, com o custo de R$ 1.192.493,00. A licitação para contrato de fornecimento de fogos de artificio em Salvador foi realizado via pregão eletrônico, acessível a qualquer cidadão pela internet. Esse é o modelo de licitação mais transparente e democrático, possibilitando a participação de maior número de concorrentes.


O Réveillon de Salvador custará R$ 7 milhões, com cinco dias de festa e 28 atrações, sendo que toda parte artística e estrutural é proveniente de recursos da iniciativa privada. A Prefeitura custeia, apenas, os serviços públicos necessários para a realização do evento, que este ano deve girar em torno de R$ 1 milhão. Essa será a maior festa de fim de ano do Brasil, com resultados positivos para o trade turístico, que já considera o período como o segundo grande momento para atração de visitantes na cidade, ficando atrás apenas do Carnaval, com expectativa de 95% de ocupação dos hotéis.


Montagem do palco – Faltando cerca de uma semana para o início dos shows que prometem agitar a Arena Daniela Mercury, na Praça Cairu, a Prefeitura finaliza os preparativos para a montagem do palco que receberá mais de 300 artistas de renome nacional, totalizando 50 horas de música. O palco já está 60% concluído e será entregue na próxima terça-feira (27), segundo a Empresa Salvador Turismo (Saltur) órgão que organiza a festa, que começa no dia 28 e só termina no primeiro dia do ano de 2017.


Mais de 100 profissionais trabalham para a entrega da estrutura. Além disso, 13 técnicos de iluminação estão responsáveis pela montagem da aparelhagem que será espalhada pelo palco, Elevador Lacerda e camarote. E outros oito estão responsáveis pela instalação de 300 metros de iluminação em LED, usada na cenografia, fundo de palco, transmissão ao vivo e torres de delay. Além disso, outros 35 técnicos foram designados para sonorização, enquanto outros 50 trabalham nas montagens de estruturas de palco e camarote.


A Arena Daniela Mercury será composta por um palco de 500 m² que receberá 28 shows em cinco dias de comemoração, além de um camarote especial com 1.200 m², sala de imprensa, sala para entrevistas e 12 camarins. A expectativa é que o espaço receba 1,5 milhão de pessoas durante a festa. Quem quiser conferir a programação completa do Réveillon Salvador 2017 basta acessar o site www.viva2017.com.br.