Paripe.net

Covid-19: Cadastramento de crianças a partir de 6 meses para vacinação começa segunda (28)

Imagem Responsiva


A Prefeitura de Salvador inicia na segunda-feira (28) o cadastro de crianças com comorbidades, com idade entre 6 meses e 2 anos de idade, para terem acesso à vacina contra Covid-19, conforme a recomendação do Ministério da Saúde (SMS). A medida foi tomada após uma reunião de alinhamento realizada nesta semana entre o titular da Secretaria Municipal da Saúde (SMS), Décio Martins, e o presidente do Conselho Regional de Medicina do Estado da Bahia (Cremeb), Otávio Marambaia.

O cadastramento deve ser feito apenas por um(a) médico(a), através do site www.comorbidades.saude.salvador.ba.gov.br , que utilizará o mesmo login e senha da área restrita do site do Cremeb. A lista subsidiará a SMS no planejamento da imunização desse grupo, que será iniciada logo após a etapa do cadastramento, em data ainda a ser divulgada.

"Definimos os últimos detalhes junto ao Cremeb para iniciarmos mais uma etapa importante da vacinação. Estamos aproveitando todas as ferramentas exitosas para garantir rapidez e segurança aos novos grupos prioritários, pois a mesma deverá ser utilizada pelos médicos, que atestarão a comorbidade dos seus pacientes para que os mesmos se tornem aptos à vacinação. Agradeço ao Dr. Otávio Marambaia pela parceria de sempre em prol da vacinação dos soteropolitanos", declarou Martins.

Como credenciar:

1 - O responsável pelo portador da comorbidade com a idade entre 6 meses e 2 anos deverá procurar o médico que acompanha o bebê – tanto da rede pública quanto da rede privada;

2 - O médico fará a avaliação do paciente e verificará se o mesmo está dentro das comorbidades e deficiências elencadas pelo Plano Nacional de Imunização;

3 - Caso esteja elegível, o médico incluirá o nome do paciente na lista de habilitados para campanha de vacinação contra Covid-19 através do portal www.comorbidades.saude.salvador.ba.gov.br ;

4 - Quando for iniciada a vacinação do grupo, antes de se dirigir ao ponto de imunização, é necessário conferir previamente se o nome da criança está cadastrada no site da SMS, no endereço www.saude.salvador.ba.gov.br .